HomeTestes e Reviews de Motos3 dicas para fazer uma viagem de moto segura e confortável

3 dicas para fazer uma viagem de moto segura e confortável

A chegada do recesso de fim de ano nos traz a oportunidade de realizar aquela viagem de moto que passamos um bom tempo pensando em fazer. Então agora que a chance está aí, que tal acompanhar dicas para curtir a experiência de forma mais segura e confortável? Confira 3 dicas abaixo, que você não vai se arrepender!

viagem de moto - dicas simples

Pronto para fazer aquela aguardada viagem de moto? Veja dicas simples que podem lhe ajudar na estrada

 

Viagem de moto: Dica 1, cuidado com a bagagem

Sempre que for pegar a estrada, leve apenas o que for essencial. Bagagens pesadas exigem movimentos suavizados, dificultando curvas bruscas ou mudanças de trajetória repentinas. Além disso, o peso extra irá exigir uma recalibragem dos pneus, com pressão maior.

viagem de moto - malas rígidas

Malas laterais rígidas são mais seguras, especialmente em condições adversas (como chuva e poeira)

 

Com as malas, outros detalhes na pilotagem também mudam. Os freios, por exemplo, sugerem o uso do dianteiro juntamente com o de trás, para evitar que a bagagem interfira na estabilização da sua motocicleta.

Se puder, opte por malas rígidas. São mais resistentes a entrada de poeira, de água e impactos, por conta de sua fechadura ser mais segura do que outras opções de bagagem. No momento de escolher a marca e o modelo, prefira a que possuir mais segurança no zíper e encaixe, para que possa proporcionar total vedação da tampa e também um bom funcionamento da fechadura.

 

2 – Prepare sua motocicleta

Uma motocicleta revisada é garantia de viagem tranquila. Então prepare sua moto de acordo com a quilometragem estipulada para a viagem de moto que você pretende realizar.

Tudo começa pela revisão, muito antes de cair na estrada

Faça uma revisão completa, com atenção especial ao nível de lubrificação do motor. Lembre de jamais misturar óleos de viscosidades diferentes, que pode causar danos irreversíveis ao conjunto. Outro cuidado básico é com a corrente (caso sua moto possua, claro), que deve estar em bom estado de conservação, limpa e lubrificada. Um equipamento em condições ruins irá aumentar o consumo, reduzir o conforto e pode trazer problemas ao rodar sob a chuva ou em meio a poeira.

 

3 – Escolha o melhor equipamento de segurança

O único equipamento de segurança obrigatório é o capacete, mas devemos ir além dele. Especialmente numa viagem de moto, precisamos de itens que tornem o trajeto mais confortável e seguro.

Ainda que esteja um calor escaldante ou que a viagem seja ‘só até ali’ opte por capacetes integrais (fechados). Sempre

Escolha botas e luvas exclusivas para motociclistas. As botas de cano alto são recomendadas pois diminuem a abertura nas bocas da calça e protegem também os tornozelos, além dos pés. Já as luvas devem ter mangas compridas, a fim de não deixar brechas entre ela e jaqueta.

Garanta proteção integral com um capacete fechado, que proteja todas as regiões da cabeça. Opte por um com viseira de cristal, evitando capacetes espelhados ou de fumê que diminuem a visibilidade em horários com pouca luminosidade.

Veja mais em Motonline.com.br

Leia Também