HomeRevista PróAnão Boladão ganha moto customizada

Anão Boladão ganha moto customizada

Trabalho de adaptação na motocicleta levou tempo, mas garante segurança e conforto na medida certa

O paranaense Carlos Eduardo tem 27 anos e é uma figuraça. Poucos o conhecem pelo nome verdadeiro. Na vida, ele é a maior parte do tempo o “Anão Boladão”, influenciador e artista. Ele recebeu uma moto zero quilômetro como prêmio pela participação de uma das atrações do BMS Motorcycle de 2020, evento realizado para motociclistas, que envolve competições de Flat Track, exposição de marcas e motocicletas, e reúne todo o universo do motociclismo customizado.

No ano passado, devido à pandemia, foi realizada apenas uma edição do evento, transmitido ao vivo pela internet e chamada de On Track. Isso aconteceu na cidade de Sorocaba, em São Paulo, e sem presença de público. Tivemos ali a disputa da Liga Brasileira de Flat Track, em diferentes categorias”, explica um dos idealizadores da Liga Brasileira de Flat Track e dos eventos On Track e BMS Motorcycle, Cezinha Mocelim.

A moto escolhida foi uma MXF Pro Racing 110, utilizada em uma corrida em circuito oval com a participação de convidados (artistas e influenciadores) fantasiados. Vence quem está com o melhor figurino. Na edição deste ano, Boladão deixou os concorrentes comendo poeira: vestido de bolacha – para quem não é do Paraná, leia biscoito –, faturou a motinha e deixou para trás várias personalidades, como o ator Felipe Titto, o youtuber Ninja Flow e o skatista Lucas Xaparral.

Acontece que, mesmo sendo uma minimoto, as dimensões da motocicleta limitavam Anão Boladão a usá-la plenamente. Assim, em parceria com Lucky Friends, oficina especializada na customização de motos Harley Davidson e também uma das idealizadoras do evento, um projeto de customização da moto foi desenvolvido e executado gratuitamente para o influenciador. 

Foram feitas muitas modificações para deixá-la personalizada para que ele conseguisse andar com estilo e segurança. Nos orgulhamos muito em ter participado desse projeto de customização que criou a primeira moto da nossa marca personalizada no País. O projeto é sensacional!”, comenta o coordenador de marketing da empresa paranaense, Gustavo Salvadori. As motos são importadas da China e comercializadas no Brasil, após passarem por um processo de ajuste ao combustível nacional. 

Conforme Flávio Bajon, sócio da oficina que fica em Sorocaba, cinco profissionais aceitaram o desafio e garantiram a transformação completa da motocicleta. “De uma cross, ela virou uma Chopper ‘rabo duro’. Fizemos ajustes na balança da moto, no sistema de suspensão. Trocamos o farol, o guidão, o tanque. Deixamos a moto on road”, conta. Flávio explica que a maior dificuldade foi a altura da moto, já que o Boladão tem apenas 50 cm de perna, o que limitava o alcance de seus pés no chão. A experiência inédita vivida na oficina emociona. “Ver o Anão recebendo a moto foi bacana pra caramba! Foi de certa forma uma maneira de inclusão e isso é muito legal”, compartilha.

Para o sortudo influenciador, andar de moto é sinônimo de superação. “Na minha infância e na adolescência, sempre gostei de moto, mas tinha até um certo rancor, uma revolta, porque eu achava que nunca ia conseguir andar de moto por conta das minhas limitações físicas. Conseguir foi superação para mim e para os outros. Fui muito bem recebido no motociclismo e isso mostrou para mim e para os outros também a lição de nunca desistir. Vai ter pedrada, porrada, vai! O gostoso é batalhar. Mostrar que você consegue”, ressalta Anão Boladão, que já foi dono de outra Chopper (modelo cuja característica principal é o garfo alongado) com um paralama que era a adaptação de pedaço de uma placa de pizzaria. 

A história de superação do Anão Boladão e agora, de sua nova companheira de aventuras, mostra o que significa a paixão por duas rodas: um amor sem medidas.

VÍDEO

O projeto de customização durou quase um ano e agora está concluído. O processo pode ser acompanhado pelo YouTube, no canal Vini by Controlflex, voltado para quem é apaixonado por motos e “viciado em encrenca”, como a definição da página apresenta. Vários vídeos conectaram os fãs com a trajetória da produção da nova moto do Anão Boladão. O último capítulo da customização da moto MXF dura 14” e está a seguir, acompanhe.

EDIÇÃO 2021

O On Track, válido para o Campeonato Brasileiro de Flat Track, acontece novamente neste ano de maneira remota, como foi em 2020. Ele está marcado para acontecer em duas datas. A primeira, no começo de outubro e a etapa final, com possibilidade de público, em novembro. Ambas serão realizadas em Sorocaba. “Ano passado tivemos mais de 30 mil pessoas assistindo ao vivo o evento, e depois mais de três milhões de visualizações. Nossa expectativa para este ano é muito boa”, antecipa Cezinha. Para acompanhar as novidades da edição, acesse: https://instagram.com/flattrackbr?utm_medium=copy_link ou https://www.flattrackbr.com/



Veja mais em Revista Pró

Leia Também

close