Campeonato do Mundo de Rally Cross-Country: Andrew Short e Ross Branch assinam com a Monster Energy Yamaha

0
122

A equipa Monster Energy Yamaha Rally já anunciou o seu alinhamento para o Campeonato do Mundo de Rally Cross-Country de 2020, no qual irão contar com Andrew Short e Ross Branch.

Andrew Short é um dos pilotos de motociclismo todo-o-terreno mais versáteis e bem sucedidos do mundo. Já competiu em supercross e e motocross nos EUA, com cerca de 40 pódios na carreira. Além disso, foi também um dos vencedores da equipa dos EUA no Motocross das Nações, em 2010.

“Estou muito entusiasmado por me juntar à equipa Monster Energy Yamaha Rally antes do Campeonato do Mundo de Rally 2020. Estou ansioso por trabalhar com um novo grupo de pessoas e uma marca que tem tido muito sucesso no rally. Eu sei que todos na equipa me vão pressionar para melhorar e obter melhores resultados. O meu principal objetivo é o Dakar 2021, mas de agora em diante esperamos conseguir fazer muitas corridas e trabalhos de preparação e mal posso esperar para começar com tudo”, disse o piloto da Monster Energy Yamaha.

O piloto texano deu o salto para as corridas de cross-country no final de 2017, tendo disputado o seu primeiro Rally Dakar logo no ano seguinte. Short já conta com três participações naquela que é conhecida por ser a prova mais difícil do mundo, foi vice-campeão no Silk Way Rally de 2019 e venceu o Rally de Marrocos no mesmo ano.

Quanto a Ross Branch foi, sem dúvida, um dos melhores pilotos do Rally Dakar de 2020. Adaptou-se rapidamente ao imprevisível terreno da Arábia Saudita, vencendo a segunda etapa da prova e conquistando mais quatro resultados entre os 10 primeiros. Tudo isto, apesar de ter sofrido uma lesão durante o evento.

“Juntar-me à equipa oficial da Monster Energy Yamaha Rally é um sonho tornado realidade. Fazer parte de uma equipa de fábrica é o objetivo para o qual tenho trabalhado arduamente ao longo dos últimos anos. A oportunidade de trabalhar com uma equipa focada tanto no Dakar como no campeonato mundial de rally é incrível para mim. Quero melhorar como piloto e acredito que tenho velocidade para obter melhores resultados. Ganhar uma etapa no Dakar este ano foi um grande impulso para a minha confiança, agora tenho o apoio da Monster Energy Yamaha e estou ansioso para ver o que posso alcançar”, avançou o piloto natural do Botswana.

O seu primeiro Rally Dakar foi em 2019, prova essa que terminou na 13º da geral. Também terminou como vice-campeão no Rally Merzouga e oitavo no Rally de Marrocos no mesmo ano.

Short e Branch deverão fazer a sua estreia com as cores da equipa em Abu Dhabi. No entanto, com o evento de abertura do Campeonato do Mundo de Rally Cross-Country adiado devido ao surto de coronavírus, o novo objetivo é o Rally do Cazaquistão, que decorre de 24 a 29 de Maio.

Foto: Yamaha Racing



Veja mais em MOTORSPORTS.PT