Como é a moto elétrica criada especialmente para a polícia

0
15

O movimento global de transição aos veículos elétricos segue em ritmo acelerado… ao ponto de já termos uma moto elétrica criada especialmente para a polícia! Ou seja, a moto não foi adaptada para a polícia, mas sim desenvolvida exclusivamente para ela. Quem apresentou a novidade foi a CFMoto, que equipa a corporação local, na China.

 

Moto elétrica para polícia

Esta é a primeira moto elétrica da marca. De acordo com a fabricante, esse modelo foi “propositadamente construído para atender às demandas dos departamentos de polícia nas megacidades da China”. Entre essas demandas, estão a agilidade e a longa autonomia, pois os policiais precisam circular por longos períodos. Além disso, a touring tem 3 modos de condução e marcha a ré.

moto elétrica polícia 2

CFMoto desenvolve um modelo especial para a polícia chinesa

O fato também é curioso. Embora policiais equipados com motos elétricas não seja uma novidade – visto que já é comum em alguns lugares da Europa -, a China não é uma das maiores entusiastas de modelos elétricos, até porque carece de estrutura de abastecimento elétrico ao redor do país.

Veja também:

CFMoto 300 GT – E

Com a 300 GT, a empresa aproveita para testar tecnologias que futuramente serão utilizadas em outras motocicletas da marca, de ‘uso civil’. Por isso o modelo tem uma bateria com liga estrutural adaptável a diferentes tipos de motores. Portanto, uma base que poderá ser replicada em modelos com designs e estruturas diferentes.

moto elétrica polícia

Dessa forma, a 300 GT possui motor de 10,5 kW (cerca de 14 cv), que pode atingir um pico de 16,8 kW de potência (22 cv). Já o torque é de 5,52 kgf.m. Desta forma, a nova moto elétrica da polícia atinge 120 km/h de velocidade máxima e promete até 150 km de autonomia. Embora a moto seja relativamente pesada, com 224 quilos, boa parte desse peso vem dos equipamentos da polícia.

A 300 GT também conta com rodas de liga leve de 17 polegadas, suspensão com garfo invertido na frente e monoamortecedor traseiro, além de freio ABS da Bosch. Por enquanto só os policiais chineses poderão pilotar essa moto elétrica, mas muito em breve modelos parecidos já devem estar sendo anunciados pela fabricante.

Veja mais em Motonline.com.br