HomeTestes e Reviews de MotosDakar: Petrucci vence de KTM, brasileiros lideram nos UTVs

Dakar: Petrucci vence de KTM, brasileiros lideram nos UTVs

O Dakar 2022 segue com fortes emoções e reviravoltas na Arábia Saudita. Durante a quinta etapa, a KTM de Toby Price foi a mais rápida. No entanto, após punição o colega de equipe Danilo Petrucci faturou sua primeira vitória no maior rali do mundo. Além disso, a dupla brasileira venceu mais uma na classe dos UTVs.

Dakar 2022: Price vence a 5ª etapa…  Mas não leva! (quinta-feira)

A moto KTM do bicampeão do Dakar (2016 e 2019) Toby Price ficou à frente dos demais competidores na 5ª etapa, realizada na quinta-feira. No entanto, foi somente no penúltimo checkpoint que o australiano assumiu a liderança na capital de Riade.

Price Toby foi mais rápido e tomou punição… – Foto: Dakar

Liderando a maior parte da etapa, estava o piloto da GasGas, Daniel Sanders. Ele dominou o dia ainda sobre o atual campeão argentino, Kevin Benavides da Honda. O estreante no Dakar e ex-piloto da MotoGP, Danilo Petrucci, impressionou novamente ao terminar a etapa em segundo.

O dia também foi mais gentil com a Yamaha, que com Ross Branch chegou a terceira posição. Já o líder na classe das motos, Sam Sunderland amargou o 13º lugar com sua KTM.

Dia de destaque também para a Yamaha de Ross Branch – Foto: Dakar

Petrucci herda vitória do dia

Petrucci chegou em segundo lugar na etapa de número cinco, terminando 4 minutos e 14 segundos atrás de Price, seu colega da KTM. No entanto, a direção do Dakar comunicou posteriormente que o australiano havia recebido uma penalidade de seis minutos – por excesso de velocidade.

Quem diria… Da MotoGP para vitória no Dakar 2022

Com isso, o italiano herdou sua primeira vitória no Dakar 2022. Price caiu para sexto na etapa, Branch subiu para segundo, seguido pela dupla da Honda, Pablo Quintanilla e José Ignacio Cornejo.

Mas mesmo com a vitória, Petrucci não figura mais na luta pelo título da classe geral. Isso porque na segunda-feira ele sofreu um problema – na segunda fase – abandonando a etapa. Desta forma o piloto apenas compete para somar pontos no Campeonato Mundial de Rali Cross-Country.

Top5: ranking geral das Motos após 5 etapas

1º #3 (Gbr) Sam Sunderland – GasGas Factory Racing (19h 01′ 50′)’
2º #52 (Aus) Matthias Walkner – Red Bull KTM Factory Racing (19h 04′ 19”) + 00h 02′ 29”
3º #42 (Fra) Adrien Van Beveren – Monster Energy Yamaha Rally Team (19h 07′ 49”) + 00h 05′ 59”
4º #4 (Aus) Daniel Sanders – GasGas Factory Racing (19h 09′ 51”) + 00h 08′ 01”  
5º #15 (esp) Lorenzo Santolino – Sherco Factory  – (19h 17′ 17”) + 00h 15′ 27”

Brasileiros vencem mais uma nos UTVs do Dakar 2022

A dupla formada pelos brasileiros – o piloto Rodrigo Luppi e o navegador Maykel Justo – voltou a vencer na classe principal dos UTVs. Eles completaram a etapa de quinta-feira em pouco mais de 4 horas e 33 minutos. Foi a segunda vitória consecutiva deles na competição, com isso, eles figuram agora em primeiro lugar na geral classe.

Dupla brasileira vem forte na classe dos UTVs – Foto: Dakar

Enquanto isso, a dupla formada pelo norte-americano Austin Jones e o navegador brasileiro Gustavo Gugelmin concluiu o dia em quarto. Com isso, eles surgem em segundo no quadro geral dos UTVs. Na categoria dos quadriciclos, o maranhense Marcelo Medeiros teve uma quebra no Yamaha Raptor 700 e precisou ser rebocado. Com isso ele agora está em 10º na geral.

Veja também:

Sam Sunderland com a GasGas segue como líder nas motos – Foto: Dakar

Roteiro Dakar 2022

1 de janeiro / Etapa 1A – Jidá / Ha’il (19 km cronometrados + 636 km de ligações)
2 de janeiro / Etapa 1B  – Ha’il / Ha’il (334 km cronometrados + 546 km de ligações)
3 de janeiro / Etapa 2 – Ha’il / Al Artawiyah (339 km cronometrados + 584 km de ligações) – Maratona
4 de janeiro / Etapa 3 – Al Artawiyah / Al Qaisumah (368 km cronometrados + 554 km de ligações)
5 de janeiro / Etapa 4 – Al Qaisumah / Riade (465 km cronometrados + 707 km de ligações)
6 de janeiro / Etapa 5 – Riade / Riade (348 km cronometrados + 563 km de ligações)

7 de janeiro / Etapa 6 – Riade / Riade (421 km cronometrados + 635 km de ligações)
8 de janeiro / Dia de descanso em Riade
9 de janeiro / Etapa 7 – Riade / Al Dawadimi (401 km cronometrados + 700 km de ligações)
10 de janeiro / Etapa 8 – Al Dawadimi / Wadi Ad-Dawasir (394 km cronometrados + 828 km de ligações)
11 de janeiro / Etapa 9 – Wadi Ad-Dawasir / Wadi Ad-Dawasir (287 km cronometrados + 490 km de ligações)
12 de janeiro / Etapa 10 – Wadi Ad-Dawasir / Bisha (374 km cronometrados + 757 km de ligações)
13 de janeiro / Etapa 11– Bisha / Bisha (345 km cronometrados + 500 km de ligações)
14 de janeiro / Etapa 12 – Bisha / Jidá (163 km cronometrados + 676 km de ligações)

Veja mais em Motonline.com.br

Leia Também