Ela está de volta! Caloi relança a Mobylette com novidades

0
46

A Calor trouxe a Mobyllete de volta à vida! A novidade é homônima do clássico ciclomotor que marcou gerações no Brasil nos anos 1970 e 1980. Mas desta vez temos um veículo elétrico, claro. Destaque ao slogan: A lenda voltou. Bora saber mais detalhes da moto, relembrar seu passado popular e destacar valores e disponibilidades do produto!

Nova Mobylette elétrica

O veículo elétrico da Caloi possui um motor em cubo de 350 W de potência. A bateria (bivolt) de íon-lítio, conta com 36 V e 10,4 Ah removível, além disso tem autonomia de até 30 km por carga. O ciclomotor alcança uma velocidade máxima de 25 km/h. Vale frisar que a aceleração pode ser acionada tanto pelo movimento da pedalada, quanto pelo acelerador integrado ao display. O produto é indicado a pessoas com mais de 1,65 m e até 100 kg. O peso seco é de 30 kg.

nova mobylette

A empresa prioriza a sustentabilidade e a versatilidade da nova mobylette.

Modelo histórico nos 1970 e 1980

“A Mobylette marcou gerações e sua memória permaneceu viva na cultura brasileira”, definiu Eduardo Rocha, diretor de marketing da Caloi. O veículo, que teve seu lançamento original em 1975, acabou por virar sinônimo de bicicleta motorizada no Brasil. Muito disso deve-se à popularização da marca nas décadas de 70 e 80.

antiga mobylette

A brasileira Caloi foi a responsável por trazer veículo para o Brasil e obter a licença para uso do nome “Mobylette”. As primeiras motos a serem lançadas no mercado nacional possuíam motor de dois tempos, com 49,9 cm³. Assim, rodavam até 80 km com apenas um litro de gasolina – e alguma ajuda dos pedais, claro.

Origem do nome Mobylette

Existe um grande debate a respeito da grafia mobylette ou mobilete. Os dois modos estão corretos. Primeiramente, surgiu na França (1949), o ciclomotor “Mobylette”, produzido pela empresa Motobécane. Já a grafia Mobilete é a forma aportuguesada utilizada em nosso país para este veículo.

Veja também:

Quanto custa a nova Mobilete elétrica

 

A Mobylette elétrica da Caloi foi lançada na semana passada, com preço sugerido de R$ 9.199. Inicialmente, sua venda seria online através do Mercado Livre até 28 de março, quando o produto chegaria nas lojas físicas. Acontece que o acesso dos compradores foi tão intenso que as primeiras levas esgotaram em 24 horas. Desta forma, a venda virtual foi suspensa. Agora, é preciso esperar até 28 e 31 de março para adquirir nas lojas parceiras da marca.

O preço sugerido do modelo é de R$ 9.199.

Veja mais em Motonline.com.br