Harley 500 cc? Novo modelo foi flagrado em teste na China

0
69

Uma pequena Harley-Davidson monocilíndrica de 300 cc vem sendo aguardada pela mídia desde 2019. No entanto, foram os rumores de uma possível Harley 500 cc, flagrada na bancada de testes, que deram as caras desta vez. O modelo pode ter sido registrado na casa da parceira chinesa, a QJ Motors. Confira mais detalhes sobre esse novo produto.

Nova Harley 500

Tal como acontece com a esperada pequena Harley 353 R, é provável que o modelo flagrado tenha como alvo o mercado asiático. A motocicleta vista em fotos – que parecem retiradas de um vídeo – sugerem tratar-se de mais um produto da parceria QJ / Harley.

Modelo base da QJ Motors, a naked SRV 550

A moto observada se assemelha a mais uma máquina derivada da estrutura da QJ Motors SRV 550. A marca chinesa é proprietária da italiana Benelli, que fabrica a versão derivada Leoncino 500. Com isso, o que foi visto pode ser mais uma reedição da QJ, vestida pela Harley.

Versão italiana Leoncino 500

Caso o rumor se confirme, e a Harley 500 seja derivada da Leoncino, então teremos a seguinte configuração: Uma moto com motor bicilíndrico arrefecido a líquido, com potência de 47 cv a 8.500 rpm e torque de 4,6 kgf.m a 6.000 rpm. Tudo acoplado ao câmbio de seis velocidades.

O modelo se enquadra no padrão de emissões europeu do Euro5, embora sem garantias de que será oferecida além da Ásia caso entre em produção. No entanto, se encaixaria perfeitamente na classe A2, destinada aos recém-habilitados das motos no Velho Continente.

A provável Harley 500 flagrada em testes

Veja também:

Uma chinesa vestida de Harley

Apesar das imagens, pouco ainda se viu da Harley 500. A moto tem garfo invertido USD com um diâmetro de provavelmente 50 milímetros, preso ao quadro tubular. Não se sabe se o garfo será também ajustável como na versão Benelli.

Ainda teremos que aguardar para saber se o modelo vai chegar ao mercado

Enquanto isso, o sistema de freio a disco duplo na dianteira salta aos olhos. Se vem de Brembo como na Leoncino 500, ou das subsidiárias italianas Bybre ou JJuan, também ainda não está claro. Em se tratando de um modelo destinado ao mercado asiático, as versões mais alternativas parecem ser as mais prováveis.

O que mais chama a atenção é que, visualmente, a Harley 500 mistura os estilos de modelos da fábrica de Milwaukee. O farol redondo na dianteira, montado na parte inferior, ou seja, aparafusado na ponte do garfo, lembra a XR 1200. Enquanto a traseira remete a atual Fat Bob, com o suporte da placa é montado no braço oscilante. Se será lançada e como deve ser o projeto final ainda parece ser uma uma surpresa.

Veja mais em Motonline.com.br