HomeTestes e Reviews de MotosHonda Hornet ainda faz sucesso nas ruas; entenda como

Honda Hornet ainda faz sucesso nas ruas; entenda como

Lançada em 2004, a Honda Hornet CB 600F marcou época, virou febre nacional e ainda hoje mexe com o imaginário de muitos motociclistas. O modelo teve três gerações por aqui e foi aposentado em 2014.

O que nem todos sabem, porém, é que este nome lendário segue vivo em outros mercados. Mas esqueça a proposta esportiva, o motor de quatro cilindros ou o ronco inconfundível. A nova Hornet é uma moto bem diferente

A Hornet tem todos os ingredientes para continuar olhando as concorrentes de cima

A Hornet no Brasil sempre olhou as concorrentes de cima

 

Hornet: nova, pequena e distante

hornet 2.0

A Hornet 2.0 comercializada na Índia para ocupar o espaço deixado pela descontinuação da CB 160F

Apesar da Honda ter anunciado a descontinuação do modelo no Brasil em 2014, a Hornet saiu das concessionárias de forma triunfante, liderando as vendas do segmento. No entanto, a marca japonesa optou por manter até hoje a Hornet em outros mercados, entre eles a Índia.

A naked é equipada com pneus mai largos que ajudam a dar mais estabilidade

Dessa forma, a indiana Hornet 2.0 foi lançada para não deixar vago o espaço deixado pela CB 160F Hornet, que não é mais comercializada no país asiático. 

Assim, a Honda  trouxe um design atual, nome marcante e preço competitivo de 126.435 rúpias indianas. Em reais, estamos falando de aproximadamente 9,3 mil.

Veja também:

hornet 2.0

Dessa forma, o mercado asiático recebeu bem a moto street devido ao seu desempenho, design e bom preço

Motor e características

O propulsor da moto street indiana é monocilíndrico de 184,4 cm³  que gera potência máxima de 17,2 cv a 8.500 rpm e 1,64 kgf.m de torque em 6.000 rpm. Além disso, o propulsor é refrigerado a ar e possui injeção eletrônica.

Assim, a Hornet 2.0 possui carenagens modernas e cores que chamam a atenção, além de ter um escapamento compacto. A iluminação é Full-LED e o painel de instrumentos digital com cinco níveis de ajuste de iluminação.

O modelo é ofertado na Índia em quatro opções de cores

 

O modelo ainda é equipado com pneus de 110/70-17 na dianteira e 140/70-17 na traseira somado à suspensão com garfo invertido na frente e sistema monoshock atrás.  Enquanto isso, o ABS de canal único se alia aos freios  a disco com 276 mm e 220 mm. 

A nova geração da Hornet indiana fez tanto sucesso por lá que acabou dando frutos. Um deles foi apresentado nesta semana, a CB 200X. Trata-se de uma pequena crossover, com a mecânica da Hornet e visual diretamente inspirado na CB 500X.

 

Hornet no Brasil

O modelo desembarcou no Brasil em 2004 e teve seu fim anunciado em 2014

Após 17 anos desde o lançamento do modelo no Brasil, e sete do anúncio do seu fim, o modelo continua em alta entre os motociclistas que curtem o segmento naked no país.

Dessa forma, para se ter uma noção da valorização da Honda Hornet no Brasil, o modelo de 2005 está com o preço de mercado avaliado em R$ 21.946. Enquanto isso, a última Hornet lançada no Brasil está cotada pela FIPE em R$ 35.397.

A receita por trás deste sucesso nós conhecemos bem. Além do visual purista, sem carenagens e com motor totalmente exposto, ele está baseado no desempenho do motor de quatro cilindros e refrigeração a líquido, de 599 cm³.

Hornet 2012

O modelo ganhou três gerações ao longo de 10 anos no Brasil

 

Três gerações da Hornet

Ao todo, a Hornet no Brasil passou por três gerações. A sua primeira foi equipada com um motor que rendia até 96,5 cv de potência a 12.000 rpm e torque de 6,4 kgf.m a 9.500 rpm. 

A segunda geração estreou a alimentação por injeção eletrônica, que fez seu propulsor desenvolver a potência máxima de 102 cv e torque de 6,53 kgfm. O vistual também mudou radicalmente, deixando para trás o farol redondo e identidade anterior. Isto foi em 2009.

A segunda geração da naked no Brasil

Assim, a linha 2012 recebeu a terceira geração com modificações no design, atualização no painel de instrumentos – que se tornou totalmente digital – e ajustes no motor. Agora, seu visual era ainda mais semelhante ao da CB 1000R, naked topo de linha da marca.

Por fim, apesar do encerramento da comercialização no Brasil, a Honda Hornet 600F ainda faz muito sucesso nas revendas de seminovos e o grito do motor ainda conquista muitos fãs.

Veja mais em Motonline.com.br

Leia Também

close