Honda Racing é o grande destaque da abertura do Brasileiro de Enduro em Itapema (Santa Catarina) – Mundo Press

0
61

Bruno Crivilin (geral e E1), Alexandre Valadares “Brankim” (E4) e Bárbara Neves (EF) iniciam a temporada com vitórias; Time vermelho também garante a dobradinha na geral com Vinicius Calafati 

Itapema (SC) – A equipe Honda Racing foi o grande destaque da abertura do Campeonato Brasileiro de Enduro, realizada neste fim de semana (19 e 20/3), em Itapema (SC). Bruno Crivilin levou a disputa na geral e na categoria E1, com a CRF 250RX. O time vermelho garantiu dobradinha na geral com Vinicius Calafati, segundo colocado na E1. Alexandre Valadares “Brankim” venceu na E4, classe exclusiva para motos nacionais, com a CRF 250F – mesmo modelo que Bárbara Neves acelerou para subir no lugar mais alto do pódio da categoria para mulheres, a EF. Rômulo Bottrel concluiu a prova em segundo na E2, com a CRF 450RX. 

A competição contou com três voltas em cada dia, de 35 quilômetros, que incluíram três especiais (trechos cronometrados), sendo dois Enduro Teste e um Cross Teste. No primeiro dia, a chuva que caiu apimentou a disputa, deixando os trechos lisos, o que exigiu mais atenção e habilidade dos competidores.

Em sua única prova prevista no país, Bruno Crivilin ficou satisfeito em conseguir incluir na agenda a participação na abertura do Brasileiro. “Pude rever a equipe, meus amigos e minha família. É muito importante para mim esse momento, diante da minha nova jornada, com foco 100% no exterior, morando na Itália, correndo o Mundial e o Italiano de Enduro.  Foi muito bom ter vencido essa primeira prova. Desejo muita sorte aos meus companheiros para que eles sigam na batalha. Com certeza, vou fazer o meu melhor para representar a Honda e o Brasil lá fora”, destaca o capixaba, atual tetracampeão consecutivo do Brasileiro de Enduro na geral e na E1.

Para Vinicius Calafati, segundo colocado na geral e na E1, foram dois dias bem difíceis e disputados. “O terreno secou um pouco neste domingo e o piso ficou mais rápido, o que favoreceu a gente. Estou feliz com o resultado e com a minha performance. Tenho tudo para evoluir mais nas próximas etapas com a CRF 250RX”, ressalta o paulista, que trocou a categoria E2, na qual é bicampeão, para a E1 nesta temporada 2022.

Com uma diferença de menos de quatro segundos, Rômulo Bottrel por pouco não venceu a E2. “Foi uma boa reestreia na equipe Honda. Durante as especiais eu consegui evoluir bastante e também melhorei a minha interação com a equipe. Tivemos um fim de semana intenso de disputas e eu estou bem confiante para o restante do campeonato”, evidencia o mineiro, que acelerou a CRF 450RX.

Pela classe E4, exclusiva para motos nacionais, Alexandre Valadares “Brankim” finalizou o primeiro dia na terceira colocação e neste domingo levou a melhor. “Consegui vencer hoje e reverter o resultado do dia anterior, que eu levei um tombo. Ganhei todas as especiais. Foi uma vitória importante por conta da minha estreia na equipe Honda. Está sendo uma experiência incrível com todo o time e com a moto CRF 250F, que está perfeita”, diz o também mineiro e estreante na Honda Racing.

Já na categoria feminina, a EF, Bárbara Neves iniciou a temporada com vitória. “Fizemos um trabalho bem legal durante a pré-temporada. Treinei bastante e fiz o meu melhor. Cheguei nessa primeira etapa bastante motivada. Consegui ter um excelente resultado, tanto sábado quanto domingo. Venci os dois dias de prova e estou feliz em começar o campeonato desse jeito”, conta a goiana, bicampeã latino-americana de enduro e que está em busca do tetracampeonato brasileiro da modalidade.

A próxima etapa do Campeonato Brasileiro de Enduro está marcada para os dias 22, 23 e 24 de abril, em Patrocínio (MG). A equipe Honda Racing de Enduro é patrocinada por Pro Honda, ASW, Borilli Racing, Alpinestars, DID e Seguros Honda.

Resultados – 1ª prova – Itapema (SC)
(Cinco primeiros)

Geral 
1º – Bruno Crivilin (#1) – 50 pontos – Honda Racing – Honda CRF 250RX 
2º – Vinicius Calafati (#32) – 42 pontos – Honda Racing – Honda CRF 250RX 
3º – Patrik Capila (#33) – 42 pontos  
4º – Rômulo Bottrel (#22) – 36 pontos – Honda Racing – Honda CRF 450RX 
5º – Luciano Rocha (#94) – 28 pontos 

E1 
1º – Bruno Crivilin (#1) – 50 pontos – Honda Racing – Honda CRF 250RX 
2º – Vinicius Calafati (#32) – 44 pontos – Honda Racing – Honda CRF 250RX 
3º – Anderson da Luz (#791) – 40 pontos 
4º – Gian Taffarel (#262) – 34 pontos 
5º – Nicolás Rodriguez (#4) – 33 pontos 

E2 
1º – Patrik Capila (#33) – 50 pontos  
2º – Rômulo Bottrel (#22) – 44 pontos – Honda Racing – Honda CRF 450RX 
3º – Vitor Borges (#51) – 40 pontos 
4º – Allan Momm (#161) – 36 pontos  
5º – Pepe Douglas Dalzochio (#883) – 32 pontos 

E4 
1º – Alexandre Valadares “Brankim” (#92) – 45 pontos – Honda Racing – Honda CRF 250F 
2º – Flavio Volpi (#7) – 44 pontos 
3º – Leoncio Krüger (#125) – 43 pontos 
4º – Rafael Gomes Alves (#499) – 36 pontos 
5º – Diego Basílio (#280) – 32 pontos

EF 
1º – Bárbara Neves (#116) – 50 pontos – Honda Racing – Honda CRF 250F 
2º – Larissa Lelis (#425) – 44 pontos 
3º – Raiane Kusma (#996) – 38 pontos 
4º – Adriana Rossa (#268) – 36 pontos 
5º – Milady Mendez (#332) – 33 pontos 

Source link