HomeShow RadicalJP Racing, a equipe privada que dominou o BRMX em sua temporada...

JP Racing, a equipe privada que dominou o BRMX em sua temporada de estreia nas competições nacionais

Foto: Tiago Lopes

A JP Racing Team conquistou no último fim de semana os títulos do Brasileiro de Motocross nas categorias MX2, com Lucas Dunka, e MX3 com o multicampeão Roosevelt Assunção. Uma temporada onde os pilotos obtiveram um aproveitamento incrível e que ficará marcada na história da JP Racing que executou um trabalho exemplar, que demanda muito comprometimento de quem é apaixonado pelo esporte.

A equipe fundada por João Paulo, piloto de motocross e proprietário da JP Racing, loja especializada em venda e manutenção de motocicletas on e off road multimarcas, foi anunciada oficialmente no início dessa temporada, inicialmente com a ideia de levar o nome de sua loja Brasil a fora e contribuir para o crescimento do esporte.

Apesar da estrutura inferior as equipes de fábrica, a JP Racing montou um projeto estratégico, e com muito foco, onde contou com os melhores profissionais de diferentes áreas, vistas como principais, para dar todo o suporte necessário aos pilotos na busca por resultados.

“Planejamento e alguns pivôs foram os principais pontos de todo o trabalho realizado nessa temporada. Durante o ano contamos com profissionais altamente capacitados em diversos seguimentos que entendemos ser importantes para um bom funcionamento da equipe na busca por resultados”, comentou João Paulo, chefe da equipe JP Racing.

João Paulo ao lado de Roosevelt Assunção na comemoração do título da JP Racing.
Foto: Tiago Lopes

Os profissionais aos quais João se refere são: Natasha Martinez, psicóloga esportiva, Bernardo Starling, nutricionista esportivo, Roman Jelen, ex piloto multicampeão com experiência nos principais campeonatos de motocross do planeta, José Moiano, preparador físico, Serginho Suspensões, preparador de suspensão do Roosevelt, Leandro, preparador de suspensões de Lucas Dunka e os mecânicos Darlan e João Marcos, responsáveis pelas motos de Roosevelt e Dunka, além de auxiliar com as placas nos fins de semana de competição.

O reflexo desse trabalho começou a aparecer na pista logo nas primeiras rodadas, onde a JP Racing mostrou superioridade e domínio total nas categorias MX2 e MX3, e manteve a invencibilidade no campeonato até a 5ª etapa.

Defendendo o título brasileiro da MX2 conquistado na temporada passada, o catarinense Lucas Dunka foi a grande atração do campeonato, agitou o público por onde passou e conquistou milhares de fãs por todo o Brasil.

Lucas Dunka
Foto: Tiago Lopes

Junto a sua YZ 250 2 tempos, Dunka dominou a categoria MX2, com 10 vitórias em 12 baterias disputadas e garantiu o primeiro título da história da JP Racing Team com uma rodada de antecedência, uma conquista bastante comemorada e histórica para o motocross nacional, coroando uma equipe privada como vencedora de uma das principais categorias.

Lucas Dunka #1
Foto: Tiago Lopes

Pela categoria MX3, Roosevelt Assunção, que também defendia o título da categoria conquistado nas temporadas anteriores, mais uma vez mostrou domínio absoluto, vencendo 6, de 7 baterias disputadas e também comemorou o título de forma antecipada, o 2º título para a JP Racing Team.

Roosevelt Assunção #1
Foto: Tiago Lopes

Os títulos coroaram um trabalho sério e uma temporada perfeita para a JP Racing Team em sua temporada de estréia nas competições nacionais.

Lucas Dunka comemorando ao lado de sua equipe.
Foto: Tiago Lopes

Uma equipe 100% privada que graças ao comprometimento de pessoas apaixonadas pelo esporte e representada por dois campeões legítimos dentro da pista, alcançou o topo em pouco tempo e conquistou a torcida de amantes do off road Brasil a fora.

Roosevelt Assunção comemorando ao lado de sua equipe.
Foto: Tiago Lopes

“Quero fazer um agradecimento especial a essa equipe de profissionais que nos deu total suporte nessas conquistas, mesmo que de longe, sempre estiveram presentes conosco e a tecnologia também foi importante para o êxito do nosso trabalho, já que alguns dos nossos profissionais estão em outras regiões e até mesmo na Europa. Meu agradecimento especial aos pilotos, que desde o início tiveram total comprometimento com nosso projeto e nos representaram da melhor maneira possível dentro das pistas” completou João Paulo.

João Paulo ainda disse que as conversas já estão abertas para 2022, sempre prezando em fazer o trabalho da maneira correta e com foco e objetivo para manter se no topo.

Continue arrastando para cima ☝☝☝ para conferir todos os patrocinadores do site   👇⚡! 

– Clicando no anuncio das empresas você é direcionado ao site da marca!



Veja mais em  

Leia Também