HomeRevista PróKTM vence etapa da MotoGP em casa

KTM vence etapa da MotoGP em casa

O piloto Sul Africano Brad Binder aproveita descuido dos rivais após a chegada da chuva nas últimas voltas e conquista sua 2ª vitória na MotoGP durante a etapa da Áustria.

Depois de estar na décima posição durante a prova inteira, o sul-africano Brad Binder conseguiu uma surpreendente vitória neste domingo no GP da Áustria de MotoGP. O piloto da KTM foi o mais corajoso da disputa pela vitória, que no fim tinha sete pilotos devido a uma chuva intermitente que caia no circuito da Red Bull Ring.

Quando a chuva se intensificou, a quatro voltas do fim, todos os pilotos foram para os boxes, menos o sul-africano, que apostou em seguir de pneus slicks na pista molhada e, andando com muito cuidado, conseguiu vencer pela segunda vez na carreira – sua primeira vitória em 2021. Para se ter uma ideia, sua última volta foi 15s mais lenta que a dos pilotos que trocaram de pneus para chuva.

“Foi um final realmente assustador. Sabia que podia perder a corrida mas arrisquei e preferi continuar com os pneus de seco. A minha moto estava verdadeiramente ínconduzivel, tive de arriscar até ao final. Foi uma loucura mas resultou bem e tenho de agradecer à KTM por este resultado.”, conclui Binder.

Entre os pilotos que foram para os boxes, Francesco Bagnaia foi o mais veloz e passou todos os pilotos que apostaram nos slicks menos Binder, ficando em segundo lugar. O pole position, Jorge Martín fez o mesmo e terminou em terceiro. Binder acabou ainda sendo punido com 3s por ter excedido os limites de pista na última volta, mas manteve 9s de frente para seguir com a vitória.

Joan Mir também foi para os boxes, e conseguiu terminar na quarta colocação. Atrás dele, Luca Marini foi o quinto apostando em ficar de pneus slicks, logo à frente de Iker Lecuona que por pouco não foi ao pódio.

Líder do mundial, Fabio Quartararo trocou de pneus, mas não foi tão rápido quanto os concorrnetes na recuperação, chegando em 7º. No entanto, pela queda do vice-líder do mundial Johann Zarco ainda antes da chuva, ele aumentou sua vantagem no campeonato de 40 para 47 pontos.

Valentino Rossi foi o oitavo. Fechando o top 10 vieram Alex Márquez e Aleix Espargaró, que apostaram nos pneus slicks também.

Marc Márquez fez uma grande corrida, chegou a lider a prova até entrar nos boxes para trocar pneus, entretanto na recuperação após a parada ele acabou caindo na curva 1 e chegou apenas na 15ª posição.

A próxima etapa da MotoGP ocorre na Inglaterra daqui há duas semanas.

Confira a classificação final após o término da corrida:

1. Brad Binder / Red Bull KTM (RC16) 40m 46.928s

2. Francesco Bagnaia / Ducati Team (GP21) +9.991s

3. Jorge Martin / Pramac Ducati (GP21) +11.570s

4. Joan Mir / Suzuki Ecstar (GSX-RR) +12.623s

5. Luca Marini / Sky VR46 Avintia Ducati (GP19) +14.831s

6. Iker Lecuona / KTM Tech3 (RC16) +14.952s

7. Fabio Quartararo / Monster Yamaha (YZR-M1) +16.650s

8. Valentino Rossi / Petronas Yamaha (YZR-M1) +17.150s

9. Alex Marquez / LCR Honda (RC213V) +17.692s

10. Aleix Espargaro / Aprilia Gresini (RS-GP) +18.270s

11. Jack Miller / Ducati Team (GP21) +25.144s

12. Danilo Petrucci / KTM Tech3 (RC16) +25.193s

13. Takaaki Nakagami / LCR Honda (RC213V) +25.603s

14. Alex Rins / Suzuki Ecstar (GSX-RR) +30.642s

15. Marc Marquez / Repsol Honda (RC213V) +35.459s

16. Pol Espargaro / Repsol Honda (RC213V) +40.384s

17. Cal Crutchlow / Petronas Yamaha (YZR-M1) +52.950s

Abandonaram:

Miguel Oliveira / Red Bull KTM (RC16)

Johann Zarco / Pramac Ducati (GP21)

Enea Bastianini / Avintia Ducati (GP19)



Veja mais em Revista Pró

Leia Também

close