HomeRevista PróMarc Marquez vibra muito com vitória em Austin

Marc Marquez vibra muito com vitória em Austin

O oito vezes campeão mundial conquistou a sétima vitória em Austin (Texas), e Quartararo ampliando a liderança do campeonato para 52 pontos na temporada da motoGP.

Com uma exibição impecável de Marc Marquez, o piloto Espanhol obteve seus sétima vitória no Circuito das Américas, com o número 93 pela Repsol Honda Team e conquistando a segunda vitória em 2021. Fabio Quartararo (Monster Energy Yamaha MotoGP) aumentou sua liderança no Campeonato Mundial com um segundo lugar no Red Bull Grande Prêmio das Américas, com o terceiro colocado Francesco Bagnaia (Ducati Lenovo Team) agora a 52 pontos do francês com três corridas para o final.

O plano A foi executado com perfeição por Marc Marquez largando de terceiro lugar do grid, o número 93 pegou o holeshot e Quartararo também levou a melhor sobre o polesitter Bagnaia. Este último perdeu mais uma posição para o início rápido Alex Rins (Team Suzuki Ecstar) na primeira volta, com Pecco sendo rebaixado para P5 quando Jorge Martin (Pramac Racing) abriu caminho na segunda volta.

Takaaki Nakagami (LCR Honda Idemitsu) foi o primeiro “crasher” na corrida, o japonês estava em sexto quando caiu na Curva 12 na segunda volta. Mais atrás, Jack Miller (Ducati Lenovo Team) estava fazendo bons progressos com o pneu Michelin traseiro duro a partir do 10º lugar do grid, o australiano partir para cima de Brad Binder (Red Bull KTM Factory Racing) e Joan Mir (Team Suzuki Ecstar) na 3ª volta para ocupar o sexto lugar.

Depois de despachar Rins, Martin estava sendo um incômodo para o líder do campeonato Quartararo, já que Marc Marquez aumentava sua liderança para mais de um segundo por volta. Depois de ultrapassar o colega de equipe Pecco, Miller estava agora à frente de Rins em P4. Mas Bagnaia, por sua vez, estava lutando para se manter entre os cinco primeiros em sexto lugar.

Durante a volta 8, Marc Marquez errou feio e viu sua liderança cair para 1,5s sobre Quartararo. A 11 do fim, essa diferença foi estendida para 2.3s, com Quartararo seguindo à frente de Martin. Miller estava meio segundo atrás do outro piloto da Ducati, e 1,3s atrás de Pecco, que tinha começado a a andar num ritmo melhor com o italiano passando facilmente por Alex Rins.

Agora, a questão era: Bagnaia passaria Martin para obter o terceiro lugar? Pois a quatro voltas do fim, não havia diferença entre ele e Martin que aparentemente olhava para o painel algumas vezes. Martin estava lutando contra a moto ou a Ducati estava realmente andando mais que ele? Bem, não importaria no final, pois Martin acabou recebendo uma penalidade de volta longa por perder tempo suficiente nas curvas 4 e 5.

No final, porém, o Capitão América voltou a reinar mais uma vez em Austin. Marc Marquez deu à Repsol Honda Team o 450º pódio da categoria rainha com uma corrida perfeita, Quartararo conquista o segundo lugar na grande prêmio das Américas e Bagnaia que se recuperou bem para chegar em P3 fechando assim o podium com Honda, Yamaha e Ducati.

Aleix Espargaro (Aprilia Racing Team Gresini) e Johann Zarco (Pramac Racing) caíram e saíram ilesos da prova ontem tarde de domingo.

Além de Marquez que ficou igualmente feliz foi Quartararo, pois com a conquista de seu segundo lugar, o piloto Francês agora abre uma vantagem de 52 pontos da qual pode já ser tornar campeão ao título de 2021 na próxima corrida que acontece em Misano.

Seguem os TOP 10:

1. Marc Marquez (Repsol Honda Team)
2. Fabio Quartararo (Monster Energy Yamaha MotoGP) + 4.679
3. Francesco Bagnaia (Equipe Ducati Lenovo) + 8.547
4. Alex Rins (Equipe Suzuki Ecstar) + 11.098
5. Jorge Martin (Pramac Racing) + 11.752
6. Enea Bastianini (Avintia Esponsorama) + 13.269
7. Jack Miller (Equipe Ducati Lenovo) + 14.722
8. Joan Mir (Equipe Suzuki Ecstar) + 13.406 *
9. Brad Binder (Red Bull KTM Factory Racing) + 15.832
10. Pol Espargaro (Repsol Honda Team) + 20.265



Veja mais em Revista Pró

Leia Também

close