HomeMotorsports.ptMXGP, Jorge Prado: "Estou cada vez mais confiante"

MXGP, Jorge Prado: “Estou cada vez mais confiante”

Jorge Prado está cada vez melhor e no Grande Prémio da Holanda, em Valkenswaard, mostrou que a lesão contraída na perna no final do ano passado já não o impede de mostrar o seu talento.

Com a qualidade que mostrou no último Grande Prémio antes dos cancelamentos que se seguiram devido ao surto de coronavírus, é fácil esquecermo que Jorge Prado entrou no Campeonato do Mundo de Motocross de 2020, escassos meses após ter sofrido uma fratura do fémur.

“Sinto-me mais forte a cada fim-de-semana e a perna também está cada vez melhor. Ainda não me sinto a 100% fisicamente porque não tive muito tempo na moto, mas cada vez que vou andar nela é mais um dia de treino. O fim-de-semana na Holanda foi muito bom, consegui mostrar uma velocidade muito boa logo na corrida de qualificação, onde disse a mim mesmo para fazer mais um esforço para ver onde estou ao nível da velocidade que, pelos vistos, está bastante boa”, avançou o piloto espanhol.

Prado surpreendeu na primeira manga em Valkenswaard pois, apesar da lesão, consegui terminar em quarto lugar. “Limitei-me a manter o meu ritmo e terminei em quarto. Estou incrivelmente feliz com isso porque, para mim, é um resultado muito bom. Na segunda manga estava muito motivado para conseguir outro bom resultado. Tive um bom arranque, mas acabei por cair pouco depois. Na primeira curva, perdi completamente a frente e bati. Foi um grande acidente mas, felizmente, não fui atingido por nenhum outro piloto. Estou grato por não me ter magoado, porque teria sido muito fácil isso ter acontecido com aquele acidente, principalmente, tendo em conta que estou a recuperar de uma lesão recente”, explicou o piloto da Red Bull KTM.

Ao que parece, o facto de ter começado a trabalhar muito fora da moto, pouco depois de se ter lesionado, levou a que Prado conseguisse voltar à forma mais rapidamente. Agora, já de regresso aos comandos da sua KTM quer dar o máximo para continuar os bons resultados.

“Agora que estou de volta à moto, tento fazer o máximo de treino possível para conseguir o ritmo e a forma física que desejo. Isso é muito importante. Estou a lidar muito bem com as motos. Apesar de não estar tão forte neste momento, tenho-me esforçado cada vez mais. Quando a pista é um pouco mais fácil, fisicamente, sinto-me bastante bem. Claro que vou melhorar a cada semana que estou em cima da moto mas vamos ver como corre”, disse Prado.

O piloto da KTM está a ganhar confiança para arriscar mais a cada dia e, ao que parece, as dores já são praticamente inexistentes. “Estou cada vez mais confiante ao colocar a perna no chão. Neste momento eu diria que não tenho muitos problemas com ela porque não tenho dores. Claro que ainda levo algum tempo a recuperar de uma corrida para a outra e, além disso, toda a energia vai para a perna, porque é a parte mais fraca do meu corpo neste momento. Estou muito feliz por todas as semanas sentir uma grande progressão”.

As duas primeiras rondas da temporada de estreia de Jorge Prado em MXGP mostraram a progressão que o piloto teve após a lesão e o potencial que terá quando estiver totalmente recuperado. “Eu ainda preciso de muito tempo na moto mas estou muito satisfeito com ela. Estamos a melhorar todos os fins-de-semana e minha velocidade está sempre a aumentar. A boa forma também me está a ajudar a conseguir essa velocidade e estou a sentir-me muito confortável nas 450”, disse o piloto que confirma ainda que, caso não se tivesse lesionado, poderia já estar a conseguir resultados muito melhores. “O facto de ter contraído esta lesão levou a que perdesse grande parte da preparação que fazemos no inverno, que é muito importante para toda a época. As coisas estão a ir bem e estou a fazer o melhor que posso. O grupo de pilotos de MXGP é muito bom e competitivo e ter conseguido um resultado tão bom depois de regressar de uma lesão deixa-me muito feliz”.

_

Foto: Facebook Jorge Prado



Veja mais em MOTORSPORTS.PT

Leia Também

close