HomeRevista PróPetrucci vai participar do Rally Dakar em 2022

Petrucci vai participar do Rally Dakar em 2022

Depois de mais de dez anos dedicados aos Mundiais de motovelocidade, e depois que Danilo Petrucci não vai mais continuar com a Red Bull KTM Tech3 na próxima temporada da motoGP, o Italiano decidiu fazer a ‘travessia no deserto’ e participar do Rally Dakar 2022 que começa no dia 1 de janeiro, na Arábia Saudita.

Danilo Petrucci, de 31 anos, foi assim confirmado como piloto oficial da KTM e vai ter como companheiros de equipo os experientes Matthias Walkner, Toby Price e Kevin Benavides – pilotos que poderão dar uma grande ajuda nesta nova etapa do italiano.

Para o ex-piloto de MotoGP, que teve sua última prova de MotoGP em Valência domingo passado, se prepara para as próximas semanas e o objetivo é só um: terminar os 8.000 quilómetros que marcam toda a distância da prova.

“Para mim, é realmente um sonho que se tornou realidade correr no Dakar. É um evento que sempre quis fazer desde criança quando assistia aos vídeos do Rally Dakar dos anos 80 e 90. Agora, graças à KTM, este sonho vai se tornar realidade,” referiu Danilo Petrucci.

“Gostaria de agradecer à KTM por esta grande oportunidade. Acho que serei o único piloto que num espaço de um pouco mais de um mês saiu do MotoGP para competir no Rally Dakar, por isso é um grande orgulho. O meu principal objetivo é terminar a corrida e divertir-se com os companheiros de equipe. A primeira decisão foi treinar com um roadbook com o Jordi (Jordi Viladoms é diretor desportivo da KTM). Ele competiu muitas vezes e terminou no pódio, então tem sido excelente aprender esta arte muito especial. Tive o meu primeiro contato com a KTM 450 RALLY recentemente num teste nas dunas de Dubai, onde estive com os outros pilotos oficias e pude aprender muito com eles. Foi ótimo vê-los voar, e eles foram muito gentis comigo. Espero que o treino que vou fazer no próximo mês seja suficiente. Será uma corrida dura com certeza, mas estou animado”, disse Petrucci que sairá de sua KTM RC16 em meados de novembro para escassos 45 dias depois competir numa KTM Rally 450.



Veja mais em Revista Pró

Leia Também

close