HomeTestes e Reviews de MotosPit bike: o que é, quanto custa, quais marcas têm

Pit bike: o que é, quanto custa, quais marcas têm

Como o nome sugere, as pit bike são motos pequenas, que podem ser utilizadas tanto por adultos quanto por crianças ou adolescentes. Com o passar dos anos elas receberam diversos tipos de uso e atualmente estão numa crescente, justamente pela sua capacidade de entregar diversão a baixo custo.

pitbike pit bike minimoto - pro tork tr 50f

As pit bike são motos pequenas, que podem fazer a alegria de crianças ou adultos, dentro ou fora das pistas, na terra ou no asfalto. Na foto, uma Pro Tork TR 50F

Por isto decidimos abordar o assunto, apresentando o que é uma pit bike, quanto custa, quais marcas fabricam. Acompanhe o material e esclareça suas dúvidas, mas cuidado! Você irá querer comprar uma antes mesmo de terminar a reportagem.

 

Pit Bike: o que é e como surgiu

Hoje as pit bike têm diferentes usos e características, podendo ser de alto desempenho ou uso recreativo, para rodar nas ruas, no campo ou pistas off road. Mas nem sempre foi assim.

Também chamadas por nós brasileiros de minimotos, as pit bikes surgiram no pós-Guerra e ganharam força ao longo dos anos 1950 e 60 por serem veículos ágeis, econômicos e baratos. Logo grandes marcas como Honda também teriam suas próprias opções. Aliás, a Honda Monkey dos anos 1970 é um dos modelos de maior sucesso de segmento no mundo.

pitbike pit bike minimoto - honda monkey

A Monkey é um sucesso global da Honda quando o assunto são minimotos. Modelo está em produção desde os anos 1970

Anos mais tarde elas mostrariam outro uso. Nos anos 1990 e especialmente nos Estados Unidos, diversos pilotos passaram a usar pequenas motos off road para se deslocar dentro do paddok, entre os ônibus, boxes, pista e toda a estrutura que uma grande prova de motocross tem.

As pit bike seguem os passos das ‘dirt bike’. Assim, podem ser usadas até em competições no asfalto, de supermoto

 

Logo surgiria a ideia de criar categorias de competição específicas para estas pequenas motocicletas, tanto no asfalto quanto em pistas de terra. Assim, seguiram os passos das ‘dirt bikes’ grandes, seja acelerando no motocross, velocross ou supermoto.

 

Onde posso andar com uma pit bike

E assim chegamos aos dias atuais. Hoje há tanto pit bikes rodando nas ruas e cidades de diferentes países, quanto acelerando em circuitos fechados, sejam de asfalto ou pistas off road. Também há pit bike de diferentes marcas e cilindradas, como Honda, Yamaha e Kasawaki, de 49, 70, 100, 125 ou 140 cc.

pitbike pit bike minimoto - onde pode andar

Uma pit bike pode andar em áreas rurais, pistas, circuitos. Também pode rodar nas ruas, mas não temos nenhum modelo homologado para vias públicas à venda no Brasil

 

Atualmente, no Brasil não há nenhuma minimoto (ou pitbike) homologada para as ruas à venda, mesmo que a legislação permita o uso destas pequenas ferramentas de diversão em vias urbanas. Isto porque nenhuma marca optou por lançar uma pit por aqui.

pitbike pit bike minimoto - honda grow

Esta é a Honda Grow, uma pit bike 125 homologada para ruas e que faz sucesso em vários países. Econômica e ágil, é uma boa opção de moto para o dia a dia

A Honda, por exemplo, cogitou lançar alguns modelos no país há algum tempo. Em 2017 ela trouxe as pequenas Grow e Navi ao Salão Duas Rodas para medir a receptividade do público local, mas a ideia acabou não chegando às concessionárias.

pitbike pit bike minimoto - honda navi

Esta é a Navi, também da Honda. A marca estudou trazer o modelo ao Brasil, mas acabou não rolando. No último mês ele estreou nos Estados Unidos

Veja também:

 

Mini moto off-road:

Assim, o nicho mais comum no território nacional são as pit bike off road. Inclusive há diversas categorias destinadas a elas em competições, até nas principais provas do cenário nacional.

pitbike pit bike minimoto - motocross

As pit bike também são usadas para ajudar os pequenos a iniciar no esporte. Aqui, o pai piloto instrui a pequena filha a bordo de uma Yamaha PW50

O Campeonato Brasileiro de Motocross, por exemplo, possui as classes 50cc e 65cc. Nelas competem crianças – com idades específicas em cada – nas mesmas pistas onde correm os adultos e suas poderosas motos off road de até 450 cc. Diversos estaduais de Motocrosse e Velocross também têm divisões exclusivas delas.

Por aqui vemos pit bike de diferentes marcas, inclusive com opções nacionais. A Pro Tork fabrica quatro opções de minimotos, de 50, 100 e 125 cilindradas, todas em estilo off road. São as TR. Ainda há uma supermoto, com pneus para asfalto, de 125 cc.

pitbike pit bike minimoto - competição

Nem só de recreação vivem as pit bikes. Marcas como KTM (foto, Yamaha e Husqvarna têm modelos de alto desempenho. Aqui a brincadeira é séria

Outra opção made in Brazil é a MXF Motors. A empresa com sede no Paraná oferece as Ferinha 49 e Pro Racing 50, 125 e 140. São produtos de melhor desempenho – e mais caros -, com direito a suspensão invertida e mais voltadas a adolescentes, ao invés de crianças.

Yamaha YZ65 é destinada a competições, especialmente motocross

E também há pit bike das marcas mais tradicionais, como Yamaha e Husqvarna. Da japonesa, há as PW50 (para crianças, de uso quase recreativo), YZ65 (infantil, de competição) e YZ85LW (para adolescentes, de alto desempenho), todas com motor 2T e da linha Racing. A Husq tem as TC 50, TC 65, TC 85 e TC 125.

 

Quanto custa uma pit bike

Os preços das minimotos são tão variados quanto suas opções de tamanho, uso e marca. Entre as pit bike mais baratas do mercado estão as MXF e Pro Tork, indicadas para recreação e início no esporte. Uma MXF Pro Racing 50 custa aproximadamente R$ 7 mil, enquanto uma Pro Tork TR 50F sai por aproximadamente R$ 9 mil.

pitbike mini bike - preços

As nacionais MXF e Pro Tork estão entre as pit bike mais baratas do mercado. Há vários modelos por menos de R$ 10 mil

Já quem busca desempenho precisa ter um orçamento bem mais generoso. Não raro, uma pit bike sai tão caro quanto uma moto off road para adultos de 250 cilindradas. A Yamaha YZ65 é um exemplo, com preço sugerido de R$ 47.940. A YZ85LW parte dos R$ 49.050.

Quando a ideia é competir com alto rendimento a brincadeira custa muito mais caro. As 65cc importadas, como esta Yamaha, podem custar mais de R$ 40 mil

Veja mais em Motonline.com.br

Leia Também