HomeMotorsports.ptRalis: Sunderland e Sanders são a dupla da GasGas no Dakar 2022

Ralis: Sunderland e Sanders são a dupla da GasGas no Dakar 2022

Sam Sunderland e Daniel Sanders, constituem a dupla de pilotos da GasGas Factory Racing em 2022. Foi hoje anunciado por Pit Beirer e Norbert Stadlbauer, chefe de equipa do Team GasGas Rally – formação que apostará em 2022 no Rali Dakar e no Mundial de Rallys Cross-Country.

O recém-chegado Sam Sunderland junta-se ao rookie Daniel Sanders, constituíndo uma dupla de peso ​​no cenário dos ralis que estarão aos comandos das GasGas RC 450F em 2022. O ex-vencedor do Rally Dakar Sam Sunderland dispensa apresentações. O britânico dedicou grande parte de sua vida aos ralis, erguendo o troféu de vencedor do Dakar em 2017. Desde então, Sam foi coroado Campeão Mundial de Ralis Cross-Country da FIM em 2019 e continua a lutar pelo cobiçado segundo título no Dakar. Sunderland voltou ao seu melhor na edição de 2021 do evento, onde permaneceu na luta pela vitória até o último dia.

O australiano Daniel Sanders, fortalece a equipa para aquela que será apenas a sua segunda temporada completa de ralis. Começando o ano com um quarto lugar seriamente impressionante no Dakar 2021, o australiano conquistou a medalha de bronze no Campeonato Mundial de Ralis Cross-Country da FIM. Nada mal, especialmente para um novato!

Ambos os pilotos estão agora ocupados a prepararem-se para a
44ª edição do Rally Dakar, que começa no próximo dia 1 de janeiro.

“É um grande momento para a GasGas, termos o Sam e o Daniel juntos na equipa”, comentou Pit Beirer. “O que começou como um pequeno projeto com Laia, e depois com o Daniel Sanders, agora torna-se um esforço muito maior. Contratar um ex-vencedor do Dakar, e possivelmente ter o melhor jovem talento do ralis, é uma declaração clara de que a marca está pronta para competir por vitórias e fazer crescer ainda mais a sua presença nos ralis. É realmente emocionante para a GASGAS ter dois grandes pilotos que são ambos capazes de vencer em 2022 e desejo a ambos muita sorte no Rally Dakar e na temporada de 2022”.

Por seu turno, o chefe de equipa Norbert Stadlbauer, destaca a oportunidade única de ter dois pilotos em etapas diferentes nas suas carreira. “O Sam é muito experiente e as suas conquistas profissionais falam por si. O Daniel tem apenas uma temporada completa de ralis, mas aprendeu tudo muito rapidamente. Não tem a experiência do Sam tem, mas aprendeu muito rápido, como vimos em 2021. Ambos são rápidos, motivados e capazes, por isso esperamos vê-los a lutar pelo sucesso no Dakar.”



Veja mais em MOTORSPORTS.PT

Leia Também

close