HomeShow RadicalRally Dakar: Kevin Benavides vence, e Sunderland reassume a liderança a uma...

Rally Dakar: Kevin Benavides vence, e Sunderland reassume a liderança a uma etapa do fim.

Kevin Benavides
Foto: Rally Zone

O jogo virou mais uma vez na reta final do Dakar, à uma etapa do fim. Adrien Van Beveren, da Yamaha, largou na especial em laço em Bisha, na Arábia Saudita, como líder geral da disputa nesta manhã de quinta-feira (13), mas as enormes dunas da região dificultaram a vida do francês que segue na luta pelo seu primeiro título no Dakar. Quem levou a melhor foi o britânico Sam Sunderland, da GasGas, que terminou a especial em segundo lugar, a apenas 4s do atual campeão, o argentino Kevin Benavides, que não tem mais chances de título após os problemas enfrentados na etapa de ontem. Para o britânico, apenas uma especial o separa de seu segundo título no Dakar, e o primeiro da espanhola GasGas.

Sam Sunderland
Foto: Rally Zone

A disputa pela vitória ao longo da especial teve Kevin Benavides e Sunderland como protagonistas, se revezando na frente a cada passagem de waypoint. No fim das contas, melhor para o argentino da KTM, que concluiu a etapa com vantagem mínima a frente de Sumderland. Kevin segue no Dakar para somar pontos para o Mundial de Cross-Country da FIM (Federação Internacional de Motociclismo), mas a punição de 15h sofrida depois da quebra de sua motocicleta na etapa de ontem, tirou todas as suas chances de alcançar o bicampeonato.

Joaquim Rodrigues, piloto que neste ano venceu uma especial pela Hero MotorSports, colocou a terceira marca diferente no top 3 da especial nesta quinta-feira. Matthias Walkner, da KTM, foi o quarto colocado, seguido pelo trio da Honda: Ricky Brabec, Pablo Quintanilla e José Ignacio ‘Nacho’ Cornejo.

Joaquim Rodrigues
Foto: Rally Zone

A jornada de Sunderland foi fundamental para abrir vantagem perante aquele que desponta como seu grande adversário na última etapa do Dakar. Pablo Quintanilla, piloto que vem crescendo ao longo do Dakar 2022, terminou a 7min36s do britânico, diferença que se reflete na classificação geral.

Van Beveren, por sua vez, teve um dia terrível em Bisha e ficou mais distante de buscar seu primeiro título do Dakar ao terminar a especial com 21min33s de atraso para Kevin Benavides, e 21min29s de desvantagem para Sunderland. O francês concluiu a etapa apenas em 15º lugar.

Van Beveren despencou de primeiro para quarto lugar a um dia da definição do Dakar 2022. Sunderland lidera com 6min52s de frente para o chileno Quintanilla, enquanto Walkner está na terceira posição geral. Adrien tem 15min30s de atraso para o novo líder da classificação geral e ainda sonha com o título, que lhe parece mais distante. Joan Barreda, da Honda, aparece em quinto, mas 27min54s atrás de Sunderland.

Classificação da etapa 11:

Classificação geral após a etapa 11:

Resumo da etapa:

Continue arrastando para cima ☝☝☝ para conferir todos os patrocinadores do site   👇⚡! 

– Clicando no anuncio das empresas você é direcionado ao site da marca!



Veja mais em  

Leia Também