HomeTestes e Reviews de MotosSR/S: a moto elétrica que bate os 200 km/h

SR/S: a moto elétrica que bate os 200 km/h

A Zero Motorcycles lançou nesta segunda semana uma nova motocicleta esportiva totalmente elétrica, com grande alcance e desempenho. Como seu propulsor gera 110 cv de potência e velocidade máxima de 200 quilômetros por hora, a fabricante norte americana compara a experiência de pilotagem da novíssima SR/S a um avião a jato.

SR/S se apresenta como modelo de ponta da Zero Motorcycles

SR/S se apresenta como modelo de ponta da Zero Motorcycles

A Zero Motorcycles foi criada na Califórnia em 2006 por Neal Saiki, um ex-engenheiro da NASA, e tem sua linha de produção composta por motocicletas 100% elétricas, incluindo modelos street, trail e de motocross. O lançamento SR/S é uma evolução do modelo SR/F, uma releitura naked da marca. Ambas as motos compartilham especificações como: tela digital, aplicativo para smartphone e um nível de conectividade que permite atualizações sem fio e estatísticas de pilotagem em tempo real.

Zero SR/S, moto elétrica com 110 cv e quase 20 kgf.m

As SR também possuem o mesmo motor elétrico, o Z-Force, desenvolvido desde o início pela fabricante. Compacto, o propulsor não requer qualquer tipo de refrigeração ou manutenção de rotina. O pacote da SR/S atinge uma velocidade máxima de 200 quilômetros por hora, tem 110 cavalos de potência e insanos 19 kgf.m de torque – para se ter uma noção, a Honda CBR 1000RR Fireblade tem 11,82 kgf.m.

Como argumento de compra de sua moto elétrica, a Zero destaca as vantagens do conjunto dispensar o uso de combustível, reparos de trocas de óleo, correia, embreagem, cabos, filtros e vela. Além claro, da questão ambiental.

Outro dos destaques da SR/S fica por conta da bateria, que tem autonomia de 260 quilômetros na cidade e 130 quilômetros em rodovias. Adquirindo-se o Power Tank – sistema que estende o tempo da carga – a distância é aumentada para até 323 quilômetros nas ruas e 165 quilômetros nas estradas. Através do pacote opcional de carregamento rápido, de até 12kW, é possível levar o nível da bateria de 0 a 95% em uma hora.

O principal ponto trabalhado pela Zero na SR/S está em sua carenagem, que foi desenvolvida utilizando-se da dinâmica computacional dos fluidos, para criar uma motocicleta mais aerodinâmica. Outro aspecto é sua posição de pilotagem, com o guidão um pouco mais alto e os pés levemente baixos. Além disso, as suspensões Showa foram ajustadas para proporcionar uma condução mais suave.

A SR/S chega em sua versão de entrada por US $ 19.995 – cerca de R$ 89 mil em conversão direta – e tem como única competição direta no mercado dos EUA a Harley-Davidson LiveWire, com preço de US $ 30 mil. Infelizmente, não há qualquer previsão de venda desses dois modelos em solo verde e amarelo por enquanto.

vinheta-instagram_10

Veja mais em Motonline.com.br

Leia Também

close