Bruno Crivilin segue no Top 10 da classe E1 após etapa do Mundial de Enduro na Itália – Mundo Press

0
21

Com a CRF 250RX, piloto da equipe Honda S2 Motorsport completou segundo dia de provas na oitava posição da categoria E1 e em 19º na Enduro GP

Carpineti (Itália) – O brasileiro Bruno Crivilin encerrou sua participação na terceira etapa do Campeonato Mundial de Enduro, disputada em Carpineti, na Itália, neste domingo (26/6), mantendo-se entre os dez primeiros colocados da E1 na tabela de classificação da categoria. Com a moto CRF 250RX, o piloto da equipe Honda S2 Motorsport finalizou o segundo dia de provas na oitava posição da categoria E1 e em 19º na Enduro GP, que reúne os principais competidores da modalidade. Com o desempenho, o capixaba permanece na nona colocação da E1, com 44 pontos.

Percorrendo três voltas de um circuito de 55 km, que incluíam os trechos cronometrados (especiais) formados por Enduro Teste, Cross Teste e Extreme Teste, Crivilin se mostrou mais à vontade na pilotagem neste domingo, melhorando o desempenho em relação à véspera. “Hoje entrei melhor, consegui andar em um ritmo mais forte, e estou feliz de ter terminado entre os vinte primeiros da geral”, disse o atual tetracampeão brasileiro de enduro nas categorias E1 e Enduro GP.

A boa performance do piloto da Honda S2 Motorsport na prova, além disso, foi alcançada em condições duras ocasionadas pelo forte verão europeu. “A corrida foi bem desgastante, o sol estava muito quente e houve um momento em que sensação térmica chegou a 40 graus. Então, agora é hora de descansar bastante porque quarta-feira a gente já começa a caminhar pelas especiais em Portugal, para o reconhecimento do percurso da próxima prova”, lembrou o brasileiro. Na Itália, ele correu “em casa”, já que o local da prova, na região de Reggio Emilia, fica a duas horas de sua residência no país.

O desafio seguinte do piloto da Honda S2 Motorsport, considerado o principal nome do Enduro brasileiro na atualidade, será no próximo final de semana, entre os dias 1º e 3 de julho, em Coimbra, em Portugal, palco da disputa da quarta etapa do Campeonato Mundial de Enduro.

Resultados – 3ª etapa do Mundial de Enduro 2022

Classificação após três etapas (cinco primeiros)

Categoria E1
1 – Andrea Verona #99 (ITA) – 120 pontos
2 – Thomas Oldrati #22 (ITA) – 102 pontos
3 – Matteo Cavallo #25 (ITA) – 78 pontos
4 – Antoine Magain #71 (GBR) – 71 pontos
5 – Loic Larrieu #4 (FRA) – 62 pontos
9 – Bruno Crivilin #11 (BRA) – 44 pontos – Honda S2 Motorsport – CRF 250RX

Enduro GP
1 – Wil Ruprecht #57 (AUS) – 105 pontos
2 – Andrea Verona #99 (ITA) – 99 pontos
3 – Josep Garcia #26 (ESP) – 87 pontos
4 – Thomas Oldrati #22 (ITA) – 68 pontos
5 – Nathan Watson #91 (GBR) – 67 pontos

Dia 2 (cinco primeiros)

Categoria E1
1 – Andrea Verona #99 (ITA) – 57:06.87
2 – Thomas Oldrati #22 (ITA) – 58:00.75
3 – Daniel Milner #5 (AUS) – 58:00.80
4 – Loic Larrieu #4 (FRA) – 58:21.77
5 – Antoine Magain #71 (BEL) – 58:41.40
8 – Bruno Crivilin #11 (BRA) – 59:29.59 – Honda S2 Motorsport – CRF 250RX

Enduro GP
1 – Wil Ruprecht #57 (AUS) –56:50.65
2 – Andrea Verona #99 (ITA) – 57:06.87
3 – Nathan Watson #91 (GBR) – 57:19.15
4 – Thomas Oldrati #22 (ITA) – 58:00.75
5 – Daniel Milner #5 (AUS) – 58:00.80
19 – Bruno Crivilin #11 (BRA) – 59:29.59 – Honda S2 Motorsport – CRF 250RX

Dia 1 (cinco primeiros)

Categoria E1
1 – Andrea Verona #99 (ITA) – 1:11:55.98
2 – Daniel Milner #5 (AUS) – 1:12:29.22
3 – Thomas Oldrati #22 (ITA) – 1:12:44.54
4 – Matteo Cavallo #25 (ITA) – 1:13:09.34
5 – Antoine Magain #71 (BEL) – 1:13:25.66
11 – Bruno Crivilin #11 (BRA) – 1:15:32.90 – Honda S2 Motorsport – CRF 250RX

Enduro GP
1 – Josep Garcia #26 (ESP) – 1:10:24.16
2 – Wil Ruprecht #57 (AUS) –1:10:42.11
3 – Andrea Verona #99 (ITA) – 1:11:55.98
4 – Nathan Watson #91 (GBR) – 1:12:17.84
5 – Daniel Milner #5 (AUS) – 1:12:29.22
27 – Bruno Crivilin #11 (BRA) – 1:15:32.90 – Honda S2 Motorsport – CRF 250RX

Calendário do Mundial de Enduro 2022

1ª etapa – 6 a 8 de maio – Lalin – Espanha
2ª etapa – 13 a 15 de maio – Peso da Régua – Portugal
3ª etapa – 24 a 26 de junho – Carpineti – Itália
4ª etapa – 1 a 3 de julho – Coimbra – Portugal
5ª etapa – 29 a 31 de julho – Gelnica – Eslováquia
6ª etapa – 5 a 7 de agosto – Zalaegerszeg – Hungria
7ª etapa – 14 a 16 de outubro – Zschopau – Alemanha

Source link