HomeRevista PróConfira as 5 motos mais vendidas por segmento no país

Confira as 5 motos mais vendidas por segmento no país

Os emplacamentos no acumulado deste ano somaram 629.937 unidades, o que corresponde a um crescimento de 44,6% em relação às 435.445 unidades do mesmo período (janeiro/julho) do ano passado. Os dados são da Federação Nacional dos Distribuidores de Veículos (Fenabrave).

O Brasil conta, atualmente, com uma frota de 28 milhões de motocicletas. As justificativas para um número tão alto são muitas: somos o sétimo maior produtor de motos do mundo, os veículos de duas rodas apresentam vantagens ao consumidor, tais como baixo consumo e preço mais acessível (isso se comparado aos carros e outros meios de transporte).

De acordo com a Fenabrave as vendas de motos cresceram cerca de 47,7% de janeiro a julho de 2021, em comparação com o mesmo período de 2020 . Assim, a Federação calculou que foram mais de 629.937 emplacamentos de motocicletas no primeiro semestre deste ano.

Além disso, Julho foi o melhor mês de 2021 para a venda de motos, as vendas do mês passado atingiram 112 mil unidades, um volume 5,5% superior às 106 mil de junho e 32,2% e maior que as 85 mil de julho de 2020. E entre as motos mais vendidas, a líder absoluta é a Honda CG 160 (confira abaixo o ranking por categoria).

Motos mais vendidas por categoria:

City:

  • 1ª) Honda CG 160 – 170.320
  • 2ª) Honda CB 250F Twister – 21.465
  • 3ª) Yamaha Fazer 250 – 18.598
  • 4ª) Yamaha YBR 150 – 18.125
  • 5ª) Yamaha Factor 150 – 17.671

Classic:

  • 1ª) Royal Enfield Interceptor 650 – 961
  • 2ª) Kawasaki Vulcan 650 S – 476
  • 3ª) Royal Enfield Continental GT 650 – 403
  • 4ª) Royal Enfield Classic 500 – 268
  • 5ª) Royal Enfield Meteor 350 – 110

Trail/Fun:

  • 1ª) Honda NXR 160 Bros – 69.561
  • 2ª) Yamaha XTZ 150 Crosser – 18.125
  • 3ª) Honda XRE 300 – 15.904
  • 4ª) Honda XRE 190 – 13.050
  • 5ª) Yamaha XTZ 250 Lander – 11.126

Maxitrail:

  • 1ª) BMW R 1.250 GS – 2.696
  • 2ª) Triumph Tiger 900 – 1.832
  • 3ª) BMW F 850 GS – 1.245
  • 4ª) Royal Enfield Himalayan – 1.126
  • 5ª) Kawasaki Versys 650 – 577

Naked/Roadster:

  • 1ª) Yamaha MT-03 – 5.388
  • 2ª) Honda CB 500F – 3.488
  • 3ª) Yamaha MT-09 – 1.376
  • 4ª) Honda CB 650F – 1.303
  • 5ª) Yamaha MT-07 – 1.074

Scooter/Cub:

4. Honda Biz 125

  • 1ª) Honda Biz 110i- 85.722
  • 2ª) Honda Pop 110i – 55.926
  • 3ª) Honda PCX 150 – 15.852
  • 4ª) Yamaha NMax 160 – 12.185
  • 5ª) Honda Elite 125 – 10.045

Sport:

  • 1ª) Yamaha YZF-R3 – 1.209
  • 2ª) Kawasaki Ninja 400 – 836
  • 4ª) Kawasaki Ninja ZX-6 – 364
  • 5ª) Kawasaki Ninja ZX-10R – 233

Touring:

5. Harley Davidson Road Glide

  • 1ª) Harley-Davidson Road Glide FL TRK – 125
  • 2ª) Harley-Davidson Sport Glide FLHTK – 104
  • 3ª) Harley-Davidson Road King FLH RXS – 76
  • 4ª) Harley-Davidson Street Glide FLHX – 51
  • 5ª) Honda GL 1800 Gold Wing – 21

De acordo com a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), o modelo mais vendido este ano no Brasil foi a Honda CG 160. Em segundo lugar está a Honda Biz 110i e fechando o pódio, a NXR160 Brós.

“O mercado de motos com cilindrada abaixo de 250 cc continua bastante aquecido. Houve um ‘crescimento estrondoso’ da demanda por causa dos serviços de entrega de pequenas encomendas e de comida”, confirma o presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Júnior.



Veja mais em Revista Pró

Leia Também

close